Auto ajuda às avessas


Bom, que o livro foge a todos os modelos de livros de auto ajuda, é ponto pacífico. Também pudera: a proposta não é exatamente ajudar os leitores a mudarem de vida, mas, digamos, enxergar as coisas como elas são. E nos vermos como somos. E não ligar se não gostamos do que vemos.


E isso pode não ser exatamente ruim, muito pelo contrário. Enxotando para longe as ilusões e as vaidades, fica mais fácil viver bem. Dentro da medida do possível, claro, já que não é verdade que o impossível não existe para aqueles que acreditam. Ele não existe mesmo, de fato. Pronto. Bem escrito, bem revisado, com uma série de historinhas verídicas e saborosas. E mais: ótima companhia num exílio forçado. Ótima companhia também no recesso claro e salutar do seu lar (a rima involuntária não me dá trégua).


Informação: o livro não é meu. Dei de presente para uma amiga. Saindo de viagem, catei providencialmente. Ela gostou, eu gostei. Saímos ganhando, as duas.



  • White Facebook Icon
  • White Instagram Icon
  • White Pinterest Icon
RSS Feed
Design, decoração, arte, móveis e objetos sustentáveis